sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Causa Mortis I

Há morte pior do que aquela que se morre de dentro pra fora?
Os tecidos por dentro putrefando, que nem carne exposta...
São as feridas abertas que infeccionam,
que lançam no sangue toxinas,
e do sangue para o corpo, e do corpo para a mente estarrecida.
A morte que se morre por dentro é agonizante,
ela vai destruindo aos poucos a vontade de vida,
e quando a gente vê, só tem vontade de ficar parado, estático feito defunto,
Coração parado, membros rijos, consciência apagada.
Cresce a devoção por túmulos, por facas, por escuridão.
Um condenado pode adiantar sua sentença.
Não há morte pior, do que aquela que se morre por dentro!
"Acostuma-te à lama que te espera..."(Augusto dos Anjos)

10 comentários:

Priscila Rôde disse...

Fiquei tensa! rs
Intenso demais..
nossa!

Cau Metal Amorim disse...

é interessante falar sobre mortos vivos..
e muita gente só morre por que quer.
bjux nine!!

Juliane S. Rocha disse...

Não nos podemos permitir viver assim...
Beijos e tenha um ótimo fim de semana.

Luan Fernando disse...

O amor constuma ser o maior causado dessa forma de morrer, nem todos conseguem seguir em frente.

Valéria disse...

A causa marte que se morre por dentro é a pior, muitos já estão nesse estado e não sabem.

BeijooO

***MissUniversoPróprio*** disse...

Morrer de dentro pra fora é doloroso...a vida passa e a gente não sente. A morte de fora pra dentro chega, sem que vida tenha chegado.


Beijos, flor. Obrigada pelo carinho lá no blog, viu? Assim que ela estiver maiorzinha, vou seguir seus conselhos. ;)

=****

Rodrigo Fenty disse...

É verdade , a morte já é algo muito ruim e quando ela acontece por dentro então...
Essa sua mistura biológica e reflexiva me fascina, lindo!

Nine não quero parecer nenhum burrinho mas venho nos últimos dias tentando te ajudar nas marcações mas quase todos os textos que leio já as contém, não entendo... desculpa pelo meu desentendimento.

Grande abraço.

Mamello disse...

Tem muita coisa que Augusto que gosto.
Ele tinha um jeito bastante inovador de fazer versos para aquela época.


=* do MM.

ERICK MOURA disse...

jurava que tu que tinha escrito.
quando vi essa parte "São as feridas abertas que infeccionam,
que lançam no sangue toxinas,
e do sangue para o corpo, e do corpo para a mente estarrecida."
lembrei de um texto teu que fala dessa forma.
foi uma ótima escolha nine.

ei agora que estou de volta você vai ver mais vezes meus comentários por aqui né.
:D

bjao pra tu sua menina

Nine disse...

Rsrsrsrs...
Só para esclarecer, o texto é meu sim. O augusto foi só uma citação. A ultima frase é dele.
Apenas...embora compactuemos com tantas idéias.

Obrigada a todos pelo carinho...
Vou postar logo, é que estou viajando, e sem tempo para sentar e escrever.
Abraçooooo...
=*******...

Ocorreu um erro neste gadget